sábado, 23 de outubro de 2010

. be kind / seja bondoso

be kind

[from The Last Night of the Earth Poems (1992), Black Sparrow Press]

we are always asked
to understand the other person's
viewpoint
no matter how
out-dated
foolish or
obnoxious.

one is asked
to view
their total error
their life-waste
with
kindliness,
especially if they are
aged.

but age is the total of
our doing.
they have aged
badly
because they have
lived
out of focus,
they have refused to
see.

not their fault?

whose fault?
mine?

I am asked to hide
my viewpoint
from them
for fear of their
fear.

age is no crime

but the shame
of a deliberately
wasted
life

among so many
deliberately
wasted
lives

is.

.

seja bondoso

[extraído do livro The Last Night of the Earth Poems (1992), Black Sparrow Press]

sempre nos pedem
para compreender o ponto de vista
do próximo
não importa quão
antiquado
tolo ou
obnóxio.

pedem para
enxergar
com
bondade
todos os seus erros
suas vidas desperdiçadas,
principalmente se eles são
velhos.

mas envelhecer é tudo que
nós fazemos.
eles envelheceram
mal
porque
viveram
fora de foco,
eles se recusaram
a entender.

não é culpa deles?

é culpa de quem?
minha?

me pedem para esconder
deles
meu ponto de vista
por medo de seus
medos.

envelhecer não é crime

mas a vergonha
de uma vida
deliberadamente
desperdiçada

entre tantas
vidas
deliberadamente
desperdiçadas

é.

7 comentários:

Francyne disse...

Parabéns pelo trabalho ,Bukowski é um dos meus escritores predileto, e fiquei feliz em ver o blog com conteúdo dele que não conhecia ainda.

( the girl fucking Mia ) disse...

Um dos melhores, puta que pariu. Esse cara é um gênio. Ótima tradução :)

minicontosperversos disse...

Já metemos a cara por aqui. Agora aguenta.

Abraço!

Moska de Bar disse...

Porra, puta trampo bacana traduzir o legado do véio safo. Tamos aí, no balcão, brother! Salute!
Brazzzz

jbrfranca@gmail.com disse...

Velhos Athos, mais uma vez venho aqui e sempre estou me supreendendo com suas traduções, e claro, fazendo um link com o outro blog sobre o velho Buk.
Parabéns e um abraço amigo.

Quênia Lalita disse...

Olá para o "outro bêbado", dono deste belo blog!

Eu já conhecia o Bukowski há algum tempo, mas foi só quando comecei a ler algumas de suas citações e poesias em inglês que acabei me interessando de verdade pelas obras dele.
Talvez a crueza da língua materna do nosso velho safado era o que faltava pra eu me viciar de vez.
Pra resumir, agora, né: adorei sua página, sério. As traduções são ótimas e layout é muito foda! A sabedoria desse cara me fascina mais e mais a cada dia e agora você vai me ajudar nessa adoração, seja lá quem você for :)

Té mais ver.

Pablo Henrique disse...

Muito bom, confesso que não conhecia esse, e foi sem duvida um dos melhores poemas do bukowski que ja li.